Mastercard: solução in-app, aquisição da C-Sam e parceria com Syniverse


Depois de ter lançado há um ano no Mobile World Congress sua solução MasterPass, para pagamentos digitais, a Mastercard voltou a Barcelona este ano para apresentar mais novidades. Entre elas, o recurso in-app que permite ao MasterPass ser embarcado em aplicativos e, dessa forma, permitir que o usuário conclua uma compra sem deixar o ambiente que acessou. Mas não parou por aí, também divulgou parceria com Syniverse para pagamentos no exterior e ainda as negociações para a compra da C-Sam, empresa que opera sistema de carteira digital.

Segundo a empresa, a solução MasterPass pagamentos in-app elimina a necessidade de armazenar as credenciais do cartão de pagamento em vários aplicativos móveis, oferecendo mais rapidez e simplicidade. De acordo com a MasterCard, o processo de finalização da compra, que pode ser feito em um clique ou toque no aplicativo, é suportado por soluções de segurança e criptologia.Entre as empresas que já aderiram a esse novo modelo estão Forbes Digital Commerce, Fat Zebra, MLB Advanced Media, NoQ, Starbucks Australia e Shaw Theatres Singapore.

A parceria com a Syniverse, por sua vez, é voltada para os clientes que viajam ao exterior. Em processo de testes, as empresas trabalham em conjunto com tecnologias que possuem o objetivo de oferecer um serviço opcional, o qual permitirá, de forma exclusiva aos seus usuários, a realização de transações com cartão quando ligarem seus aparelhos em um determinado ponto geográfico durante suas viagens.

PUBLICIDADE

A ideia desse serviço, conforme a companhia, é de reduzir as frustrações que os clientes sofrem quando alguém utiliza seus cartões sem que eles saibam, ou quando suas próprias transações são recusadas desnecessariamente no exterior ao tentarem realizar uma compra. As entidades financeiras também disponibilizarão de uma tecnologia adicional, que lhes ajudará a tomar decisões mais assertivas, ao aprovarem ou rejeitarem uma transação em nome de seus clientes.

Os usuários de aparelhos móveis também poderão optar pela compra de pacotes de dados pré-pagos diretamente de seus telefones ao chegarem a outro país. Aproximadamente 75 milhões de usuários de telefonia móvel viajam por mês para o exterior, mas, atualmente, 70% deles desligam seus aparelhos ao chegarem, provavelmente para evitar tarifas advindas de roaming.

A Mastercard ainda anunciou negociações para a compra do provedor de carteira digital C-Sam, seu parceiro estratégico desde 2012. Sem divulgar valores envolvidos na transação, a empresa apenas admitiu que os novos recursos serão integrados a seus sistemas de pagamento móvel. A expectativa é de que a aquisição seja concluída até o final do primeiro trimestre. (Da Redação)
 

Anterior Marco Civil da Internet: Discussão e votação ficam para o dia 12 de março.
Próximos MWC: TIM fecha acordo com Alcatel-Lucent e vai instalar milhares de femtocells nas empresas brasileiras.