Mais especulações sobre a novela Sonae-PT


A novidade é de ontem, 26, quando o principal executivo da Portugal Telecom, Henrique Granadeiro, declarou que reconsideraria a oferta de compra da Sonae, se o grupo aumentasse o preço dos atuais 9,50 euros por ação (US$ 11,95). Ao mesmo tempo, o grupo Sonae negou especulações segundo as quais teria feito acordo com a Telefónica …

A novidade é de ontem, 26, quando o principal executivo da Portugal Telecom, Henrique Granadeiro, declarou que reconsideraria a oferta de compra da Sonae, se o grupo aumentasse o preço dos atuais 9,50 euros por ação (US$ 11,95). Ao mesmo tempo, o grupo Sonae negou especulações segundo as quais teria feito acordo com a Telefónica em relação aos ativos da PT.
Em comunicado, o grupo controlado por Belmiro Azevedo informou que a Sonaecom não assinou qualquer contrato ou fez acordo com a Telefónica com a finalidade de estabelecer, hoje ou no futuro, direitos ou obrigações sobre a PT ou quaisquer de seus ativos.
Para analistas, a enxurrada de comentários envolvendo as partes interessadas no negócio sugere que um desenlace estaria próximo. Nesse sentido, as afirmações feitas por Granadeiro seriam ainda mais significativas, a considerar que a PT, até há pouco, rejeitava veementemente a tentativa de compra da Sonae, classificando-a de hostil. Contudo, levando em conta que a o negócio não se materializou, analistas observam que a PT pode ter começado a admitir que não terá como continuar indefinidamente dizendo não ao Sonae.
(Da Redação, com agências internacionais)

Anterior Os futuros diretores da Nokia Siemens Networks
Próximos Nortel vai cortar mais de mil empregos