Maior parte da receita do Twitter vem do acesso móvel


O documento de anúncio do IPO que o Twitter pretende lançar para captar no mercado US$ 1 bilhão traz uma importante informação. No trimestre encerrado em junho, 65% de sua receita de publicidade foram geradas por dispositivos móveis, enquanto 75% da média mensal de acessos se dá a partir de tablets e smartphones. A empresa reconhece que o acesso móvel já é o principal drive de seu negócio.

A receita da empresa no primeiro semestre deste ano foi de US$ 254 milhões, mais do que o dobro da receita registrada no mesmo período do ano anterior. Mas o prejuízo líquido também cresceu: US$ 69 milhões contra US$ 49 milhões do período anterior.

Mesmo assim, o Twitter acha que seu IPO pode ser bem sucedido. Aos  investidores, apresenta os possíveis riscos do negócio. Entre suas fragilidades, aponta a grande dependência da receita publicitária e a volatilidade do negócio (os resultados variam de trimestre para trimestre). Por fim, diz que a expansão internacional é fundamental para seu futuro. (Mobile World Live)

Anterior Telefônica entrega ata com aumento de participação na Telecom Italia à Anatel
Próximos Escolas e centros comunitários do interior paulista recebem banda larga 4G