LTE ganha 19 milhões de assinantes em 12 meses na América do Norte


O número de conexões LTE na América do Norte cresceu para 22,3 milhões – agregando praticamente 19 milhões de novos assinantes em 12 meses e representando 51% de todas as 43,7 milhões de conexões LTE no mundo ao final do terceiro trimestre de 2012, informa a 4G Américas, com dados da Informa Telecoms & Media. Outro marco na casa dos “bilhões” deve ser atingindo até o final de 2012, com todas as tecnologias 3GPP, incluindo a GSM, HSPA e LTE, criando uma base de 6 bilhões de assinantes, representando mais de 90% de todas as conexões globais.

Ao final do terceiro trimestre deste ano, a América Latina e Caribe já somavam  647 milhões de assinaturas 3GPP com 64 milhões de novas conexões em um ano e 15 milhões de novas assinaturas durante o trimestre. O número de conexões HSPA chegou a 130 milhões, sendo 38,6 milhões de novas assinaturas em 12 meses e 7 milhões de novas assinaturas durante o trimestre.

 
A região contava com 46 redes comerciais HSPA+ em 26 países e o compromisso de 38 operadoras em 15 países para implementar a tecnologia LTE . Oito redes comerciais já lançadas: no Brasil (Sky Telecom), Colômbia (UNE), México (Telcel), República Dominicana (Orange), Porto Rico (AT&T, Claro, Open Mobile) e Uruguai (Antel).

“Este é o ano da tecnologia LTE no setor sem fio”, disse Chris Pearson, Presidente da 4G Américas. “Ao final do terceiro trimestre do ano passado, registramos 4,5 milhões de conexões LTE e 36 redes LTE no mundo inteiro. Até o final do ano ,130 redes LTE estarão operando, atraindo mais assinantes e apoiando o lançamento de novos dispositivos durante esse período que antecede as festas do final do ano”, completou.

A implantação de redes LTE está se acelerando no mundo inteiro, com 128 redes comerciais LTE operando em 58 países e 43,7 milhões de assinantes no final do terceiro trimestre de 2012. A HSPA e HSPA+ devem ser as principais tecnologias de banda larga móvel durante a próxima década, mas a LTE continua crescendo rapidamente. A 4G Américas prevê mais de um bilhão de assinaturas LTE até o final de 2018.(Da redação, com assessoria de imprensa).

 

Anterior Telebras ativa rede do PNBL na região Nordeste
Próximos Malasia vende banda de 2,6 Ghz para LTE a oito operadoras