LTE cresce 488% na América Latina em 2014


A 4G Americas divulgou nesta quinta-feira (12) levantamento pedido à consultoria Ovum sobre o avanço do LTE no mundo em 2014. O estudo, em linha com outro divulgado em fevereiro pela GSMA Intelligence, mostra que existem 498milhões usuários de 4G no planeta, um crescimento de 141%. Na América Latina, a tecnologia cresceu 488% ao logo de 2014, passando dos 2 milhões de conexões para 12 milhões no final de dezembro.

A tecnologia GSM (2G) ainda está à frente da LTE e HSPA (3G) com 436 milhões de assinantes regionais, mas a sua liderança está encolhendo ano após ano, diz a 4G Americas. José Otero, diretor da associação para a América Latina e o Caribe, prevê crescimento continuado este ano.

“A alocação de espectro em Argentina e Venezuela acelerou a implementação de três novas redes LTE nesses mercados. Vários leilões de espectro já foram anunciados para 2015, que devem ser seguidos por pelo menos 10 novas redes comerciais LTE. Além disso, a LTE-Advanced pode ser adotada em novos mercados porque várias operadoras querem se posicionar como inovadores”, diz.

Atualmente, a região tem 59 redes comerciais LTE em 22 países, comparado com 37 redes LTE um ano antes. No 3G, são 266 milhões de conexões HSPA, um ganho líquido de 72 milhões de novos clientes 3G no ano, e participação de mercado de 36%. A banda larga móvel 3GPP (HSPA e LTE) representa 38% do mercado.

No mundo
A América do Norte concentrava, em dezembro, 33% dos usuários LTE, ou 164 milhões, mas deixou de ser a líder em número de conexões. No entanto, a Ásia-Pacífico tomou a liderança. “A Ásia-Pacífico agregou um grande volume de conexões LTE durante os últimos seis meses, ultrapassando a América do Norte pela primeira vez”, diz Chris Pearson, Presidente da 4G Americas. As assinaturas LTE representam 40% de todas as conexões móveis da América do Norte, comparado com 13% de participação de mercado no segundo mercado regional, a Europa Ocidental, e 10% na Ásia.

A penetração da tecnologia nos EUA é de 49%, baseada em uma população de aproximadamente 318 milhões. A cobertura LTE alcança mais de 300 milhões de pessoas (chamada de cobertura POPs). Ou seja, aproximadamente 94% da população norte-americana conta com acesso ao serviço LTE.  As principais operadoras, AT&T, Sprint, T-Mobile e Verizon,estão planejando a implementação da tecnologia LTE-Advanced para absorver a demanda por serviços avançados de dados. Até 2020, 60% de todas as assinaturas LTE devem usar redes LTE-Advanced.

Entre 2013 e 2014, a América do Norte adicionou 64 milhões de novas assinaturas LTE. A região da Ásia-Pacífico contou com 152 milhões de novos assinantes LTE e a Europa Ocidental contabilizou praticamente 50 milhões de novas conexões LTE.

A LTE está presente em 367 redes em 121 países. A LTE-Advanced também está ganhando espaço no mercado global: 54 redes já implementaram a tecnologia, em 35 países. O HSPA e LTE somam 2 bilhões de assinaturas. No mundo, existem 7,1 bilhões de usuários de telefonia móvel, dos quais, 6,7 bilhões usam conexões dentro dos padrões 3GPP.

Anterior Deputado consegue assinaturas para abrir CPI das teles
Próximos México licencia duas novas redes de TV aberta