Leilões de freqüência nos EUA rendem mais de US$ 13 bilhões


Após 52 rodadas dos leilões de freqüências para Serviços Sem Fio Avançados (*), realizados desde 9 de agosto pela Federal Communications Commission (FCC, o órgão regulador das comunicações dos EUA), os maiores lances foram feitos pela T-Mobile USA (Deutsche Telekom), Verizon Wireless e pela Sprint em parceria com operadoras de TV a cabo. A T-Mobile …

Após 52 rodadas dos leilões de freqüências para Serviços Sem Fio Avançados (*), realizados desde 9 de agosto pela Federal Communications Commission (FCC, o órgão regulador das comunicações dos EUA), os maiores lances foram feitos pela T-Mobile USA (Deutsche Telekom), Verizon Wireless e pela Sprint em parceria com operadoras de TV a cabo. A T-Mobile gastou mais de US$ 4 bilhões na aquisição de 122 licenses; a Verizon Wireless, US$ 2,7 bilhões por quatro grandes licenças regionais; e o grupo da Sprint, US$ 2,3 bilhões, em 128 licenças. A MetroPCS, com lances de US$ 1,3 bilhão, e a Cingular Wireless, com US$ 1 bilhão, também estão próximas das cinco grandes.

Já as empresas de menor porte, para participar se agruparam em sociedades especiais, com o suporte de grandes corporações. A Denali Spectrum, com apoio da Leap Wireless International, respondeu pelo sétimo maior lance, de US$ 365 milhões, por uma licença regional; a  Atlantic Wireless, tendo por trás a Aloha Partners, que adquiriu uma faixa de 700 MHz no último grande leilão da FCC, desembolsou US$ 106 milhões por 17 licenças.

A FCC informou que, até o início de setembro, 1.088 das 1.122 licenças colocadas à venda receberam ofertas. As restantes são pequenas licenças que cobrem áreas rurais.

N.R. – Serviços Sem Fio Avançados (Advanced Wireless Services, também conhecidos por AWS-1), são uma tecnologia de telecomunicações sem fio utilizada para serviços móveis de dados, vídeo e mensagens. Nos EUA, administrada pela FCC, a AWS-1 substitui o espectro inicialmente alocado ao Multipoint Multichannel Distribution Service (MMDS), algumas vezes também chamado de cabo sem fio (wireless cable). Considera-se que essa mudança vai liqüidar com esses antigos serviços. A banda AWS usa duas faixas de freqüências: de 1710 a 1755 MHz, e de 2110 a 2155 MHz.

(Da Redação)

Anterior BrT entra com queixa-crime contra Mainardi
Próximos WiMAX: TCU mantém cautelar e espera posicionamento da Anatel.