Justiça do Trabalho bloqueia ações de Tanure na TIM


A Justiça do Trabalho de São Paulo determinou o bloqueio de 10,4% das ações preferenciais e ordinárias da TIM Brasil pertencentes à JVCO Participações, do empresário Nelson Tanure, dono do jornal Gazeta Mercantil, extinto em maio de 2009. As ações permanecerão bloqueadas até que seja efetuado o pagamento da dívida trabalhista de R$ 240 milhões a ex-funcionários do antigo diário econômico.
 
Na semana passada terminaria o prazo, estipulado pelos acionistas, que proibia por dois anos a comercialização destas ações da TIM em poder de Tanure. Com a decisão judicial, as ações voltaram a ser bloqueadas.
 
Em 2009, Tanure vendeu as ações da sua empresa Intelig para a TIM, por R$ 750 milhões mais parte das ações da concessionária de telefonia. Hoje, estas ações passam a valer R$ 1,3 bilhão, avaliam analistas do mercado. Os advogados de Tanure devem recorrer da decisão.(Da redação)

Anterior Oi vai reunir ações do grupo na BrT
Próximos Após reestruturação, ações da Oi disparam na bolsa