ISPM cria nova solução para operadoras medirem qualidade da banda larga


A ISPM, fornecedora de softwares de gerenciamento de TI, anunciou o lançamento do Netvison – Technical Management Broadband, ferramenta para medição da qualidade dos serviços prestados aos clientes das provedoras de acesso a internet e avalia as características de funcionamento das redes. “Com nossos relatórios em tempo real, as fornecedoras de serviço banda larga podem …

A ISPM, fornecedora de softwares de gerenciamento de TI, anunciou o lançamento do Netvison – Technical Management Broadband, ferramenta para medição da qualidade dos serviços prestados aos clientes das provedoras de acesso a internet e avalia as características de funcionamento das redes.

“Com nossos relatórios em tempo real, as fornecedoras de serviço banda larga podem se antecipar a análise de qualidade, identificar os pontos corretos onde os investimentos são necessários e evitar quedas de qualidade agindo proativamente, evitando penalidades que possam ser aplicadas pela agência [Anatel] e, logicamente, favorecendo e fidelizando o consumidor”, explica Bruno Musa, diretor de produtos da companhia.

A expectativa da ISPM com o novo produto é obter um incremento de 10% na receita da empresa no faturamento de 2013.

Atualmente, pelas regras da Anatel, as operadoras têm obrigação de entregar mensalmente 60% da transmissão máxima contratada. A partir de novembro de 2013, a porcentagem deverá subir para 70 e assim por diante. A agência começará a divulgar os resultados dos testes de qualidade. (Da redação)
 

Anterior Satisfação com velocidade da banda larga móvel é maior entre usuários pré-pagos
Próximos Telefônica divulga nomeações para conselho