Investimentos em telecom somaram R$ 18,5 bi em 2005


Dados divulgados hoje, 4, pelo presidente da Anatel, Plínio de Aguiar Jr, em audiência pública na Câmara dos Deputados, mostram que, em 2005, o volume de investimentos em telecomunicações no Brasil somou R$ 18,5 bilhões. A telefonia móvel recebeu o maior número de recursos, R$ 7,8 bilhões. A telefonia fixa ficou com R$ 6,8 bilhões …

Dados divulgados hoje, 4, pelo presidente da Anatel, Plínio de Aguiar Jr, em audiência pública na Câmara dos Deputados, mostram que, em 2005, o volume de investimentos em telecomunicações no Brasil somou R$ 18,5 bilhões. A telefonia móvel recebeu o maior número de recursos, R$ 7,8 bilhões. A telefonia fixa ficou com R$ 6,8 bilhões e o setor de TV por assinatura com R$ 3,9 bilhões. O mesmo volume de investimentos foi feito em 2003 e 2004.
Segundo a Agência, em março, o Brasil contava com 39,9 milhões de linhas fixas em serviço e a GVT e a Embratel detinham 6% do mercado. Entre as incumbents, a Telemar tinha 37% de participação, a Telefônica 31% e a Brasil Telecom 23,9%. A participação da Embratel era de 4,3% e a da GVT de 1,4%. CTBC, Sercomtel, Intelig e outras empresas totalizaram uma participação de 2,4%.  Já a planta de telefones móveis somou em março 89,4 milhões de terminais. Conforme a Anatel, a Vivo ainda detinha a maior participação de mercado, 33,7%. Seguida da TIM, com 23,5%, Claro, com 21,7%, e Oi, com 12,6%. A Telemig/Amazônia tinham 5,2% e a BrT GSM ficou com 3% de participação.

Anterior Anatel pode exigir que concessionárias simulem melhor plano para usuário
Próximos Vivo: crítica à concorrência e foco no alto valor.