Indra implantará sistemas de controle terrestre do satélite Amazonas-3


A Indra trabalha no desenvolvimento e implantação dos sistemas de controle em terra necessários para gerenciar o novo satélite de comunicações Amazonas-3 da Hispasat. Este satélite, que se situará na posição orbital brasileira de 61º Oeste, será lançado ao espaço dentro dos próximos meses. A Indra já implantou o sistema que controla os satélites Amazonas …

A Indra trabalha no desenvolvimento e implantação dos sistemas de controle em terra necessários para gerenciar o novo satélite de comunicações Amazonas-3 da Hispasat. Este satélite, que se situará na posição orbital brasileira de 61º Oeste, será lançado ao espaço dentro dos próximos meses.

A Indra já implantou o sistema que controla os satélites Amazonas 1 e Amazonas 2 e os satélites 1A, 1B, 1C, 1D, e 1E. A companhia renovará agora o segmento terrestre do operador para ampliar sua capacidade e integrar o novo satélite Amazonas 3. 

O projeto, contratado em regime turn key, inclui a instalação nos centros de controle de Canárias e Arganda, na Espanha, de novas estações terrestres que controlam o novo satélite, monitorando seu estado e enviando comandos ou instruções.

Igualmente, atualizará os sistemas de monitoramento, controle e localização em órbita da atual frota de satélites Amazonas da Hispasat. A atualização afeta os centros de controle do Rio de Janeiro, Canárias, Arganda, e Balcarce (Argentina), e o centro de monitoramento de portadores de sinais do México. A Indra incorporará a nova versão de sua solução GENIUS, que simplifica a gestão e manutenção dos sistemas.

Com o lançamento do Amazonas-3, a Hispasat consolidará sua estratégia de crescimento na América. O operador incrementará significativamente a capacidade com que conta para oferecer comunicações por satélite, mediante o uso das bandas de frequência C, Ku e feixes pontuais na banda Ka. Será, além disso, a primeira companhia que fornece comunicação em banda larga Ka de alta capacidade na América Latina. Esta banda facilitará aos seus clientes a possibilidade de prover serviços triple play, que combinam acesso à internet de banda larga, voz e televisão.

Anterior Só 30% das empresas inadimplentes com a Anatel vão para a dívida ativa
Próximos Pesquisa vê preocupação de 86% dos brasileiros com segurança nas redes sociais