IBGE: serviço de informação cai 3,7% em relação a 2015


O desempeno do PIB no segundo trimestre do ano foi pior do que o mercado esperava, com contração de 3,8% em relação ao mesmo período de 2015 e de 0,6% em relação ao primeiro tri de 2015. Os serviços de informação caíram mais, queda de 3,7% em relação ao mesmo período de 2015. Em relação ao trimestre anterior, a queda foi de 0,6%.

grafico-negativo-seta-executivo-descendo

O IBGE divulgou hoje, 31 o desempenho da economia no segundo trimestre do ano, com resultados piores do que esperava o mercado e um queda do PIB de 0,6% em relação do 1º trimestre de 2016 e de 3,8% em relação ao mesmo período de 2015. Os serviços de informação, porém, estão com desempenho pior do que o conjunto da economia brasileira. Eles caíram no segundo trimestre 3,7% em relação ao mesmo período do ano passado.

No primeiro trimestre deste ano, a contração dos serviços de informação fora ainda mais acentuada, com tombo de 5%.

A formação bruta de capital fixo (indicador que aponta para os investimentos produtivos) também está negativa em -8,8% em relação ao mesmo trimestre de 2015. Mas em relação ao primeiro trimestre de 2016, pela primeira vez teve um resultado positivo.

 

Anterior Empresa de distribuição de conteúdo da SES terá CDN no Brasil
Próximos Tonet, da Globo, é o novo presidente da Abert