HyperSat anuncia para 2020 o lançamento de constelação comercial de satélites


A HyperSat LLC anunciou para a partir 2020 o lançamento da primeira constelação comercial do mundo de satélites de imagens hiperespectrais de alta resolução. O investimento inicial do projeto, no valor de US$ 85 milhões, veio de um consórcio de ações liderado pelo banco comercial global Incentrum Group.

A empresa norte-americana finalizará a aquisição de dois satélites de órbita terrestre baixa, capazes de criar imagens de mais de 200 bandas espectrais com distância de amostragem de solo de 10 metros. Esses primeiros satélites serão a base do que se espera ser a frota inicial de seis satélites de sensoriamento remoto hiperespectrais.

Os serviços de imagens hiperespectrais usam um espectrômetro em órbita de um barramento de satélite, para medir bandas espectrais contíguas que refletem a superfície da Terra, capturando as informações em cubos de dados tridimensionais. Todos os objetos, materiais e processos têm assinaturas espectrais diferentes, que permitem sua identificação dentro desses cubos de dados por meio da análise máquina a máquina, o que permite que sua presença em locais específicos do planeta seja detectada com grande precisão a partir do satélite.

A constelação permitirá que a empresa que seja a primeira a comercializar imagens e análises hiperespectrais de alta qualidade, alta resolução e custo acessível. Os serviços serão oferecidos a clientes dos setores governamentais, agricultura e silvicultura, energia e mineração. Para o governo dos Estados Unidos, a empresa fornecerá informações críticas sobre novos sensores, que terão ampla aplicabilidade nas áreas de inteligência, forças armadas, eficácia da lei, proteção ambiental e missões de defesa civil.

A HyperSat informa que o fechamento desta transação está sujeito a aprovações regulamentares.(Com assessoria de imprensa)

Anterior Tata abre 130 vagas na área de consultoria de TI
Próximos STJ livra Cinemark de pagar direitos autorais de trilhas sonoras

Sem comentários

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *