HTC demite e troca celulares por realidade virtual


Em mais um movimento para ajustar seus custos ao tamanho da demanda, a fabricante de smartphones de Taiwan anunciou que vai reduzir sua força de trabalho em 1.500 empregados, provocando a queda de suas ações no dia de hoje para o nível mais baixo desde 2015.  As ações da HTC caíram 6,2% no pregão matinal em Taipei.

Em um comunicado, a HTC informou que a mudança será concluída até o final de setembro e foi um “passo necessário”. No ano passado, a empresa vendeu uma equipe de 2 mil funcionários envolvidos na fabricação de smartphones por US $ 1,1 bilhão, juntamente com parte de sua propriedade intelectual, para o Google.

A empresa, desde então, vem reorientando seu negócio para a área de hardware de realidade virtual. (Com noticiário internacional)

Anterior Governo dos EUA tenta barrar entrada da China Mobile no mercado local
Próximos Entidades acreditam em aprovação do PLC 53 antes do recesso