Hélio Costa diz que venda da Telemig Celular é um alerta para o investidor brasileiro


 A venda da Telemig e da Amazônia Celular para a Vivo, que é controlada pela Telefônica de Espanha e pela Portugal Telecom, é um alerta para o investidor brasileiro acreditar mais no setor de telecomunicações do país, que tem uma receita de R$ 130 bilhões. O recado foi dado por Hélio Costa, Ministro das Comunicações, …

 A venda da Telemig e da Amazônia Celular para a Vivo, que é controlada pela Telefônica de Espanha e pela Portugal Telecom, é um alerta para o investidor brasileiro acreditar mais no setor de telecomunicações do país, que tem uma receita de R$ 130 bilhões. O recado foi dado por Hélio Costa, Ministro das Comunicações, que participou hoje em Belo Horizonte do lançamento da rede de 3G da operadora mineira.

Costa destacou que a Telemig já estava à venda há um ano e que nos últimos oito meses houve decréscimo no número de clientes da empresa em Minas Gerais, porque não havia interesse do investidor nacional em apostar na empresa. Diante desse quadro, segundo o ministro, surgiram os grupos estrangeiros, oferecendo R$ 1,2 bilhão, com a possibilidade de elevar a oferta para R$ 2 bilhões dentro de um ano. “A incorporação das duas empresas vai favorecer o consumidor mineiro e injetar capital importante para o estado”, frisou.

A venda da Telemig, segundo o ministro, só reforça a sua idéia de criar uma grande empresa nacional de telecomunicações, para preservar o mercado verde-amarelo. “Nós temos que ver o investidor mineiro e o investidor brasileiro participando desses negócios. Porque, senão, infelizmente todas as nossas empresas vão acabar indo embora”, alertou.

Ao comentar a venda da Telemig Celular para a Vivo, André Mastrobuono, presidente da operadora disse que só depois da aprovação da Anatel e do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) é que as empresas discutirão se vai valer a pena integrar as operações e mudar a marcar. “Os clientes podem ter certeza que a decisão de migrar ou não será totalmente planejada e será feita a quatro mãos entre os dois grupos”, ressaltou.

Anterior Regulador italiano libera convergência fixo-móvel para TI e Vodafone
Próximos Rede de 3G da Telemig Celular está pronta. Serviços serão lançados em dezembro.