GSMA apoia reforma europeia que vai criar um único mercado digital


A GSMA, entidade que promove o Mobile World Congress, em Barcelona, e representa a indústria móvel, se manifestou hoje (4) em apoio à iniciativa da Comissão Europeia de criar um mercado único digital – European Digital Single Market. Para a entidade, a unificação do  mercado europeu irá acelerar a inovação nos serviços móveis.

Mas a entidade manifesta sua preocupação contra uma abordagem muita estrita da neutralidade da rede, que impeça o gerenciamento eficiente de tráfego. E sugere também uma nova proposta para o roaming nacional, de maneira a  evitar aumentos de custos desnecessários.

Para a entidade, a reforma deve ter como metas prioritárias: maximizar os incentivos aos investimentos em novas tecnologias e capacidade de rede; assegurar que as plataformas sejam abertas e interoperáveis; redução de regulação excessiva e reforma da política de espectro para dar mais segurança regulatórias aos agentes.

Anterior Brasileiro VP do Facebook deixa empresa
Próximos Ooredoo e Telefónica firmam parceria estratégica