Governo amplia benefícios fiscais para os semicondutores


 

A presidente Dilma Rousseff publicou hoje o decreto 7.600, que estabelece critérios para efeito de habilitação ao Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Semicondutores – PADIS”.

 

PUBLICIDADE

Entre as novidades, o governo amplia os incentivos fiscais, com a isenção do Imposto de importação sobre os insumos adquiridos pelas empresas enquadradas no PADIS. Esse benefícios terão validade até janeiro de 2015.

Segundo o secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência, Tecnologia e Informática, Virgílio de Almeida, o decreto detalha o programa atual e inclui a definição de equipamentos que podem ser importados para instalação de fábricas no país e a possibilidade de ter chips on board.

“Nós pretendemos trabalhar com esse Padis para concretizar algumas ações de atrações de investimentos estrangeiros para essa área”, disse, citando como exemplo as negociações com a Foxconn para instalação de uma fábrica de display no Brasil.

 

Anterior Telefónica aporta recursos em fabricante de chip com vistas no IPTV
Próximos Sepin diz que críticas à política industrial revelam interesse externo no mercado brasileiro