Google é multado na Alemanha por captação de dados de redes wireless


O regulador de privacidade alemão multou o Google em € 145 mil por gravar de forma irregular sinais de redes Wi-Fi, enquanto tirava fotografias para o serviço Street View. Segundo o regulador, o Google capturou grandes quantidade de dados pessoais como e-mails, senhas, fotos e protolos de bate-papos online.

A Alemanha é um dos primeiros países do mundo a estabelecer uma lei de privacidade de dados. Mas a a avaliação do atual comissário de proteção de dados, Johannes Caspar, é de que as sanções previstas na regulamentação são inadequadas. De acordo com a Lei Federal de Dados, a multa máxima para este tipo de violação é de € 150 mil.

De acordo com Casper, o Google admitiu que, de 2008 a 2010, escaneou redes wireless e armazenou os dados durante a passagem da van que fotografa ruas para o serviço Street View. “Este é um dos casos mais graves de violação das regras de proteção de dados que vieram à tona até agora”, disse Caspar.

Proteção de dados no Brasil
Enquanto cresce no mundo o movimento de entidades reguladoras para garantir a privacidade de dados pessoais no mundo digital, o Brasil ainda não conseguiu avançar com um projeto de lei de privacidade de dados no país. Estruturado pelo Ministério da Justiça, o PL tem inspiração europeia, já passou por conulta pública, mas o novo texto ainda não foi apresentado. (Da redação)

Anterior Penetração de smartphones no Brasil dobra em um ano
Próximos Hutchison Whampoa não se oporia à separação da rede fixa em processo de fusão com a Telecom Itália