Google acusado de apagar app dos smartphones de portugueses


O Google foi acusado em Portugal de apagar o aplicativo Aptoide dos smartphones locais, mais de uma vez, à revelia do consumidor. A desenvolvedora do app, que é uma loja independente de aplicativos, levou a reclamação aos tribunais portugueses e obteve ganho de causa nesta semana.

“A decisão é um sinal para startups de todo o mundo. Se a razão está a seu lado, não tema enfrentar o Google”, disse Paulo Trezentos, CEO da empresa, à agência de notícias Reuters ontem (22). A loja afirma ter 250 milhões de usuários e que a decisão poderá repercutir em 82 países onde opera, inclusive Reino Unido e Índia.

A empresa é uma das que entraram com ação também na União Europeia, em 2014, acusando o Google de práticas anticompetitivas no licenciamento de apps para o Android. Recentemente, após ser multado, o Google reformulou suas políticas de licenciamento na Europa, passando a cobrar pelo pacote de aplicações próprias embarcadas nos celulares pelos fabricantes.

Anterior Reclamações dos serviços de telecomunicações na Anatel voltam a cair em setembro
Próximos Oi volta a ter direito de voto na Pharol