Gastos globais com planejamento de rede e otimização de software alcançaram US$ 488 mi em 2011


As empresas do setor de telecom no mundo inteiro gastaram US$ 488 milhões em planjemanto de rede e otimização de software em 2011, e estes números ainda vão crescer 7% até 2016, segundo pesquisa da Analysys Mason. O crescimento nos gastos do setor se deve à explosão do uso de dados e video streaming, à introdução da tecnologia LTE e ao aumento da complexidade das redes que incluem WiFi e soluções de metro células.

Estes investimentos em planejamento de rede e otimização de software vão aumentar dramaticamente no setor de dados, especialmente com a transição para a 4G”, diz Mark Mortensen, autor do estudo. “A arquitetura de redes móveis complexas e heterogêneas exige estes gastos por parte das operadoras, e é um novo foco no quesito satisfação do cliente, além de ser uma vantagem competitiva”.

As regiões do Caribe e da América Latina serão responsáveis pelo maior aumento de gastos, com 12%, enquanto que na Europa, Oriente Médio e África a previsão é de que os investimentos em planejamento de rede e otimização de software aumentarão apenas 5,2% no período.

(Da redação, com assessoria de imprensa)



Anterior Bernardo prevê disputa “a tapas” pelos lotes nacionais da 4G
Próximos Justiça determina suspensão de propaganda da Embratel