Gasto anual do brasileiro para acessar a internet vai atingir US$ 22 bilhões em 2022


Mais brasileiro vão se conectar à internet nos próximos anos, e isso terá um efeito positivo de geração de receita para as empresas. É o que estima a consultoria PricewaterhouseCoopers (PwC), que divulgou hoje (6) um estudo sobre o setor de entretenimento e mídia no país.

Conforme as estimativas, os gastos para acessar a internet devem sair de US$15 bilhões em 2017 para US$22 bilhões em 2022, com um crescimento médio anual acima de 7%.

Mais gente online também vai impulsionar a adoção de serviços digitais. Os serviços de streaming devem continuar crescendo de forma cada vez mais acelerada, à medida que as conexões de alta velocidade se tornam mais comuns no país. O OTT (vídeo na internet) vai sair de US$498 milhões em 2017 para US$782 milhões em 2022, crescendo em média 9,4% ao ano.

No segmento de música, o streaming já apresenta o maior gasto do brasileiro para ouvir conteúdo, US$ 208 milhões em 2017, acima dos gastos com bilheteria de show ao vivo, e devem continuar crescendo em média 18% ao ano. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Huawei volta ao mercado brasileiro de smartphones em parceria com a Positivo
Próximos Proteste questiona Google e Facebook sobre tratamento de dados e eleições