Fusão da Oi com BrT será debatida dias 29 de maio e 3 de junho na Câmara


A fusão da Brasil Telecom com a Oi será mesmo debatida na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara em duas audiências públicas. A primeira delas acontecerá dia 29 e reunirá os presidentes das duas empresas Ricardo Knoepfelmacher (BrT) e Luiz Eduardo Falco (Oi), que discutirão também as propostas de mudanças no …

A fusão da Brasil Telecom com a Oi será mesmo debatida na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara em duas audiências públicas. A primeira delas acontecerá dia 29 e reunirá os presidentes das duas empresas Ricardo Knoepfelmacher (BrT) e Luiz Eduardo Falco (Oi), que discutirão também as propostas de mudanças no Plano Geral de Outorgas nas concessionárias de telefonia fixa, em análise pela Anatel.

Na semana seguinte, dia 3 de junho, será a vez do ministro das Comunicações, Hélio Costa; do presidente da Anatel, embaixador Ronaldo Sardenberg; e do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, prestarem esclarecimentos sobre a operação. A divisão dos debates atendeu a pedido do deputado Júlio Semeghini (PSDB-SP),que argumentou a necessidade de se evitar o confronto entre empresas e órgãos públicos.

As audiências, que serão realizada em conjunto com a Comissão de Defesa do Consumidor, atendem a quatro requerimentos apresentados pelos deputados Leandro Sampaio (PPS-RJ), Arnaldo Jardim (PPS-SP), Jorginho Maluly (DEM-SP) e Jorge Bittar (PT-RJ), na CCTCI, e um na CDC, da deputada Ana Arraes (PSB-PE).

Em seus requerimentos, os deputados manifestaram preocupação em discutir as implicações que eventuais mudanças nas regras terão para o mercado de telecomunicações e para os usuários dos serviços.(Da Redação)

Anterior Vivo, Tim e Claro perdem market share em abril
Próximos Oi confirma notificação à Anatel e ao Cade