Furlan quer reduzir PIS/Cofins de todos os computadores


O ministro do Desenvolvimento Indústria e Comércio, Luiz Fernando Furlan, informou hoje, 8, para a platéia de empresários do setor eletroeletrônico, que está negociando com a área econômica do governo a isenção do PIS/Cofins para os computadores de todos os portes, e não apenas para os PCs de até R$ 2.500,00 e notebooks de R$ …

O ministro do Desenvolvimento Indústria e Comércio, Luiz Fernando Furlan, informou hoje, 8, para a platéia de empresários do setor eletroeletrônico, que está negociando com a área econômica do governo a isenção do PIS/Cofins para os computadores de todos os portes, e não apenas para os PCs de até R$ 2.500,00 e notebooks de R$ 3.500,00, coforme foi estabelecido na lei do Bem, em vigor há alguns meses. “Já está provado que a redução dos tributos desses computadores aumentou a geração de emprego e mesmo incrementou a arrecadação. Por isso, devemos estender essa política para todos os computadores”, afirmou ele, que salientou, no entanto, que esta proposta ainda não é consensual dentro do governo.

No seu entender, está na hora de a desoneração tributária dos bens de informática ser aplicada também para atender as pequenas e médias empresas que precisam comprar máquinas mais potentes, como servidores. “Esses equipamentos devem ser encarados como bens de capital”, afirmou. Os bens de informática já têm isenção de IPI promovida pela lei de informática. Ele defendeu também a desoneração do PIS/Cofins para as edificações industriais que abrigam a fabricação de produtos eletrônicos no país.

PUBLICIDADE
Anterior Para a indústria, é incerta a possibilidade de um novo ciclo de investimentos a partir de 2007.
Próximos Miguel Cui deixa a presidência da Dedic