França aprova troca de ações da Alcatel-Lucent por papéis da Nokia


shutterstock_ramcreations_economia_politica_intenret_tendencia_balanco_graficoA fusão entre Nokia e Alcatel-Lucent caminha a passos largos para ser concluída no começo de 2016. Hoje, 13, a empresa comunicou ao mercado que a AMF, autoridade que regula o mercado de ações francês, aprovou a conversão de papéis da Alcatel-Lucent (ALU) em ações da Nokia.

A Nokia fará a compra de todas as ações ordinárias e títulos da ALU que circulam na França e nos Estados Unidos. Em troca, oferecerá papeis da própria Nokia. A oferta ao mercado deve acontecer já na próxima semana. A janela para adesão dos acionistas da ALU ficará aberta de 18 de novembro a 23 de dezembro. De acordo com o resultado, a companhia poderá abrir nova rodada de conversão entre 3 e 12 de fevereiro.

A fusão ainda dependerá do aval dos acionistas da Nokia, a ser dado em assembleia ainda sem data de realização. Depende, também, de adesão de pelo menos 50% dos acionistas da ALU à conversão. As ações ordinárias da Nokia devem começar a circular na França em 19 de novembro.

A fusão entre Nokia e Alcatel-Lucent deve movimentar € 15,6 bilhões e criar a segunda fornecedora para o setor de telecomunicações do mundo, com receita de cerca de € 6,25 bilhões, pouco atras da Ericsson, cujas vendas somaram SEK 59,2 bilhões (equivalentes a € 6,33 bilhões) no último trimestre.

Anterior ONU decidirá futuro do IGF em dezembro
Próximos Dimitri Diliani assumirá comando da Nokia na AL após fusão com Alcatel-Lucent