Faixa de 70 GHz pode ser destinada a backhaul móvel da 4G


O conselho diretor da Anatel, aprovou nesta quinta-feira (23) a proposta para consulta pública de regulamento para uso das faixas de 71 GHz a 76 GHz e de 81 GHz a 86 GHz. A destinação da faixa para todo o tipo de serviço de transmissão de dados, atende a reivindicação da Telefônica/Vivo e de fabricantes de equipamentos, que pretendem usar a frequência para construção de backhaul móvel para a 4G.

O relator da matéria, conselheiro Marcelo Bechara, disse que o ideal é de que o backhaul da LTE seja construído com fibras ópticas, mas que existem locais no país onde isso é impossível. E que o uso dessa frequência “altíssima” permite a transmissão de dados em alta velocidade, necessária para atender ao serviço de banda larga móvel de alta capacidade. Ele disse que a faixa também poderá ser usada também pelo serviço M2M e transmissão de dados ponto a ponto.

Já o conselheiro Igor Freitas, mesmo apoiando a proposta de regulamento, alertou que essa frequência já vem sendo estudada por fabricantes para ser destinada à banda larga móvel de 5ª geração. Ele sugeriu a ampliação da consulta de 30 para 45 dias e a realização de audiência pública em Brasília sobre o tema.(Da redação)

Anterior Prazo de inscrição para o Inova Telecom é prorrogado para 7 de fevereiro. Pequena empresa poderá participar.
Próximos Anatel vai antecipar revisão dos grupos com PMS