Eutelsat troca Viasat por Orange e Thales para construção de supersatélite


eutelsat 65 west divulgacao satelite

A operadora europeia de satélites Eutelsat desisitiu de um negócio conjunto com a Viasat. A empresa ia investir na construção do satélite Viasat 3, o qual cobriria Europa, África e Oriente Médio. Em vez disso, resolveu comprar seu próprio artefato da Thales Alenia Space, de alta capacidade, em parceria com a operadora Orange.

“Uma parceria de varejo foi assinada com a Orange para tratar do mercado de banda larga fixa nos países europeus, e uma parceria de distribuição com a Thales para atender o mercado de serviços de conectividade do governo”, explica, em nota, a Eutelsat.

500 Gbps

O novo artefato, batizado de Konnect VHTS, pesará 6,3 toneladas e terá 500 Gbps de capacidade em banda Ka. Segundo a Eutelsat, o Konnect terá o “mais poderoso processador digital on board já colocado em órbita”. A título de comparção, o satélite brasileiro SGDC-1, de maior capacidade em banda Ka sobre o Brasil, tem 58 Gbps de capacidade.

Para o CEO da Eutelsat, Rodolphe Belmer, o novo equipamento vai multiplicar a cobertura dos serviços de banda larga satelital para o consumidor final, como backbone de operadoras terrestres, e para o mercado da aviação na Europa.

“A banda larga de alta velocidade será um fator essencial para o crescimento da Eutelsat a partir de 2020. Durante a próxima década, os satélites VHTS trarão capacidade suficiente para suprir as necessidades da Internet de alta velocidade e aos mercados de conectividade em voo, oferecendo serviços semelhantes à conexão por fibra, tanto em termos de preço quanto de velocidade”, afirma.

O valor do negócio não foi detalhado. A Eutelsat afirma apenas que está dentro da provisão de investimentos, de € 420 milhões ao ano. O governo francês financiará a construção do satélite. O lançamento está previsto para 2021. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Quadros não quer dinheiro da universalização para enterrar cabos
Próximos Claro, Oi, Telefônica e TIM têm 90 dias para organizar fios em postes da AES Eletropaulo