Engenheiros afirmam que rede da Telefônica não atende a demanda de tráfego


 A Associação dos Engenheiros de Telecomunicações (AET), em documento ao Conselho Consultivo da Anatel, afirma que a rede de banda larga da Telefõnica não atende mais à demanda crescente de dados, uma vez que não tem recebido investimentos em nova topologia. Acusa ainda de a rede possuir diversidade de fabricantes dos equipamentos com múltiplas funções, …

 A Associação dos Engenheiros de Telecomunicações (AET), em documento ao Conselho Consultivo da Anatel, afirma que a rede de banda larga da Telefõnica não atende mais à demanda crescente de dados, uma vez que não tem recebido investimentos em nova topologia. Acusa ainda de a rede possuir diversidade de fabricantes dos equipamentos com múltiplas funções, o que é prejudicial,  e ser "muito complexa",  com crescimento desordenado. " A atual topologia de rede tem que ser revista e reestruturada", afirmou o presidente da entidade, Rui Bottesi.

Ele afirma ainda que não há razões técnicas para a operadora garantir apenas 10% da velocidade contratada do ADSL ao usuário final, enquanto em determinados momentos chega a consumir até 90% dos recursos da rede priorizando a troca de tabelas de roteamento, reclamando que esse procedimento tem o aval da Anatel. A AET defende que sejam criadas agências reguladoras estaduais para fiscalizar as concessionárias de telecomunicações de cada unidade da federação.  ( Da redação )

Anterior Huawei anuncia nova geração de contact enters multimídia no Brasil
Próximos Vice-ministro cubano defende adoção de padrão único de TV digital na AL