Operadoras de celular fazem acordo para recolher aparelhos em SP


A medida vai uniformizar projetos de responsabilidade socioambiental que as prestadoras já desenvolvem individualmente desde 2008. Nos últimos quatro anos, as prestadoras já recolheram cerca de 5 milhões de itens de telefonia móvel, em mais de 7 mil postos de coletas pelo país.

Além de tornar disponíveis postos de coleta em lojas próprias e revendas, as prestadoras se comprometem também a divulgar, em seus sites na internet, uma lista atualizada com o endereço desses pontos.

Pelo termo de compromisso, as prestadoras de telefonia terão de receber, armazenar e dar destinação ambientalmente adequada aos aparelhos. Seguindo a denominação de logística reversa, o projeto prevê também que os itens coletados sejam encaminhados a centros de armazenamento ou diretamente a empresas responsáveis pela reciclagem ou reprocessamento.

Um relatório anual com informações sobre o que foi recolhido será encaminhado à Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo até o dia 30 de maio de cada ano. O termo de compromisso vigorará pelo prazo de quatro anos e poderá ser renovado.

Entre as prestadoras que assinaram o termo de compromisso estão Claro, Oi, TIM e Vivo. O Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) ressalta a importância de iniciativas como essa para a construção de um País social, ambiental e economicamente mais sustentável. (Assessoria de imprensa)

Anterior M2M crescerá acima do mercado de telecom móvel
Próximos Cisco lança sistema para redes de internet móvel