Embratel Claro Empresas lança proteção a ataques


A Embratel Claro Empresas lançou novos planos de proteção de 500 Mbps a 30 Gbps. A solução oferece serviços de segurança contra ataques a sistema, inclusive DDoSs e monitoração de redes, evitando que sites ou aplicações fiquem indisponíveis. De acordo com a empresa, o sistema é capaz de mitigar ameaças automaticamente. Embratel Claro Empresas é o novo nome para a área de atendimento corporativo da Embratel, após a fusão com a Claro no final do ano passado.

A solução evita a saturação da banda de internet em caso de ataques de negação de serviço, identifica e descarta os acessos originados por um ataque antes que atinja a rede do cliente. A solução inclui uma Central de Monitoramento 24 horas, relatórios mensais do comportamento do tráfego de rede e das mitigações dos ataques, com volume, tipo e principais origens.

O Centro de Operações de Segurança de Rede (SNOC) da Embratel Claro Empresas monitora em tempo real o comportamento do tráfego por meio de equipamentos instalados nos pontos de interconexão de rede. Quando é detectado um ataque, o tráfego do cliente é redirecionado para as plataformas de “limpeza”, distribuídas no Brasil e Estados Unidos, que têm a função de identificar e bloquear o tráfego ilícito, permitindo somente a passagem de tráfego com procedência segura. Para ter total visibilidade da operação, o cliente tem acesso a um portal de monitoração para visualizar os alertas de ataques e as medidas que estão sendo aplicadas pelo Centro de Operações. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Anatel joga nova regra de bens reversíveis para o final de 2016
Próximos Prazo para envio de projetos do REPNBL termina nesta terça