Em parceria com Google, Vivo ativa serviço de mensagens RCS


A Vivo começou a ativar hoje, 10, em sua rede móvel o recurso Rich Communication Services (RCS), serviço de mensagens instantâneas nativo dos aparelhos Android. O parceiro tecnológico da Vivo para a plataforma de RCS é o Google.

No lançamento, já é possível enviar e receber arquivos, imagens, vídeos e adesivos; acompanhar se o interlocutor está online, ou se está digitando; e criar grupos de conversa, além de trocar mensagens por meio da rede WiFi. No caso de uso na rede da operadora, o aplicativo não consome o pacote de dados nem será cobrado do cliente final. Clientes da Vivo também podem conversar com usuários de outras operadoras que possuam o RCS disponível, no Brasil e no Mundo.

A operadora está desenvolvendo o modelo de negócio A2P (de relação entre empresas e consumidor usando a plataforma).

Para usar o RCS, os donos de celulares Android devem ter o aplicativo “Mensagens”, do Google. Os usuários receberão, gradativamente, uma notificação quando o RCS estiver disponível para seu aparelho e basta seguir as orientações para ativar o recurso.

O RCS abre novas possibilidades de interação do cliente com a própria operadora e a relação das marcas com os consumidores. Por isso, representa uma evolução para áreas como mobile advertising, atendimento a clientes (com inteligência artificial e chatbot, e-commerce, entre outras. Essas aplicações estão em análise pela Vivo e serão anunciadas nos próximos meses. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Ministério da Defesa quer reservar espectro para si e tenta mudar PLC 79
Próximos Para STJ, venda de internet sem autorização da Anatel é serviço clandestino

1 Comment

  1. 11 de setembro de 2019
    Responder

    Tudo mentira … A Vivo faz propaganda mas o serviço nunca chega para o cliente , e nunca vai chegar … Exemplo disso é o VoLTE da vivo … Não funciona em nenhum aparelho e em nenhuma cidade que está marcada no site … Vivo engana os clientes… Já liguei abri diversos chamados e ninguém nem sabe oque é..

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *