Em 2010, NET aposta na Copa do Mundo e na banda larga popular.


Para o presidente da NET Serviços, José Felix, o ano de 2009 foi de grandes conquistas para a operadora, que começou o ano enfrentando os desafios da crise econômica e terminou com um lucro recorde, de R$ 736 milhões. Felix espera repetir o bom desempenho este ano e conta para isso com dois eventos: a …

Para o presidente da NET Serviços, José Felix, o ano de 2009 foi de grandes conquistas para a operadora, que começou o ano enfrentando os desafios da crise econômica e terminou com um lucro recorde, de R$ 736 milhões. Felix espera repetir o bom desempenho este ano e conta para isso com dois eventos: a Copa do Mundo (sem revelar números ele afirma que a NET é líder em alta definição no país) e com a banda larga popular. “Temos metas agressivas de crescimento para 2010, não vamos tirar o pé do acelerador”, afirmou Felix, na coletiva realizada hoje pela operadora para comentar os resultados do ano fiscal 2009.

Além da adesão, em dezembro, ao programa de banda larga popular do governo de São Paulo, a NET Serviços tem aumentado sua penetração na classe C, que contribuiu em parte para o crescimento da operadora em 2009, tanto em banda larga (crescimento de 30% na base, que encerrou 2009 com 2,882 milhões de usuários) quanto em TV paga (encerrou o ano com 3,690 milhões de assinantes, aumento de 20%). “A NET nasceu como uma empresa de elite e hoje está também na classe C”, comentou Felix. Segundo ele, a rede da NET ainda passa em regiões concentradas pelas classes A e B, mas está presente também em bairros da classe C, ainda não penetrados, e ele pretende crescer também nessas regiões.

“Fora isso, oferecemos internet popular com a mesma tecnologia usada para atender as classes A e B. Não há apartheid”, disse, numa provocação a Telefônica, que também aderiu ao programa da banda larga popular, mas não vai usar sua rede ADSL, do Speedy, para a oferta do serviço, que será comercializado apenas pela rede do Ajato, de pouca capilaridade, e por meio de tecnologia WiMesh.

Anterior Mais de 66 milhões de internautas brasileiros
Próximos NET vai investir em rede bi-direcional para ampliar oferta de banda larga e telefonia