A contratação e o uso do serviço de computação em nuvem pelos órgãos da administração pública federal exigirá a manutenção dos dados em data center instalado no país. Essa é a principal alteração do modelo de contratação, elaborado pelo Ministério do Planejamento, com sugestões do Tribunal de Contas da União (TCU). A proposta ficará em consulta pública até o dia 7 de maio.

O objetivo do governo é acelerar a transformação digital dos serviços públicos oferecidos aos cidadãos. O modelo de contratação está desenhado de acordo com os diretrizes estabelecidas pelo Gabinete de Segurança da Informação da Presidência da República, que definiu o tratamento da informação em nuvem nos órgãos da administração pública federal.

A empresa contratada deve prover o serviço de nuvem e o desenvolvimento e manutenção das aplicações para a plataforma. Também deve garantir que a infraestrutura esteja sempre disponível para uso. (Com assessoria de imprensa)