Distribuição de lucros da Telefônica Vivo aumentará 24% este ano


Após o bom resultado da Telefônica Vivo no ano passado, apesar da difícil economia do mercado brasileiro, a operadora anunciou hoje, 22, em sua conferência com os analistas, que irá distribuir entre dividendos e JCP (Juros sobre Capital Próprio) para seus acionistas o montante de R$ 4,1 bilhões no ano de 2017, aumento de 24% em relação a 2016.

dinheiro_voando

Após o bom resultado da Telefônica Vivo no ano passado, apesar da difícil economia do mercado brasileiro, a operadora anunciou hoje, em sua conferência com os analistas, que irá distribuir entre dividendos e JCP (Juros sobre Capital Próprio) para seus acionistas o montante de R$ 4,1 bilhões no ano de 2017, aumento de 24% em relação a 2016. No ano passado a operadora pagou de remuneração R$ 3,8 bilhões.

Os dividendos são sempre distribuídos nos meses de agosto e dezembro.

Conforme o presidente da operadora, Eduardo Navarro, a estratégia do grupo para 2017 é: manter o crescimento de dois dígitos em dados móveis e receitas fixas; continuar a aumentar a  margem do Ebitda, através das sinergias e eficiência; otimizar o Capex para o triênio 2017 e 2019 em R$ 24 bilhões.”Nós queremos ser a melhor alternativa para a conectividade no Brasil”, assegurou o executivo.

Os Resultados 

A companhia registrou um aumento de 0,9% nas receitas do ano, que somaram R$ 42,5 bilhões. O lucro líquido aumentou 22,6%, a R$ 4,08 bilhões, e o EBITDA (lucro antes de amortizações, depreciações e impostos) ficou em R$ 14 bilhões, melhora de 10,3%. O Capex (investimentos) caiu 1,6%, e somou R$ 8,2 bilhões.

Anterior Lucro da Telefônica cresce 22,6% em 2016
Próximos Projeto de lei anti-nudes é aprovado na Câmara