Deputados mexicanos aprovam projeto que quebra monopólio nas telecomunicações


 

A Câmara dos Deputados do México aprovou a reforma das telecomunicações e da radiodifusão, que passa agora a ser discutida no Senado Federa. Entre as inovações, serão licitados dois novos canais de TV aberta em rede nacional,  participação de 100% de capital estrangeiro para todos os serviçpos de teleocm – e de 49% para os de radiodifusão. O projeto estabelece ainda que as operadoras de TV via satélite (DTH) devem incluir em sua programação os canais abertos que alcancem 50% da população sem custos para os usuários.

 

Foi aprovada também a criação do Instituto Federal de Telecomunicações (IFT), o órgão regulador do setor, no lugar da Cofetel, e irá cuidar também do conteúdo da TV, estimulando, inclusive a participação de produtores independentes. O projeto foi aprovado com 414 votos favoráveis, 50 contrários e oito abstenções.

Anterior Telebras Tecnologia será inaugurada no Rio Grande do Sul
Próximos Queixas contra serviço de TV paga na Anatel tiveram alta de 94,6% em 2012