Deputados americanos pedem adiamento de leilão 5G


Líderes da comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara dos Estados Unidos enviaram hoje, 13, à Federal Communications Commission (FCC) carta pedindo que a agência adie o leilão de frequências 5G marcado para começar amanhã, 14.

Tanto a presidente da comissão, a democrata Eddie Johnson, quanto o vice republicano Frank Lucas, escreveram a Ajit Pai e outros integrantes da FCC. Eles afirmam que o espectro licitado, na faixa de 24 GHz, quando por usado na 5G poderá causar interferências a sensores de observação do clima.

Eles querem avaliações de interferência do Departamento da Defesa, da Nasa, e da secretaria responsável pela gestão de políticas para Oceano e Atmosfera.

“Não nos preocupamos com o 5G. Somos fortes apoiadores de evoluir a infraestrutura de telecomunicações dos EUA. Mas estes avanços não podem comprometer a segurança da população. Por isso solicitamos adiamento do leilão até que NOAA, NASA e DoD tenham sido adequadamente consultados e suas preocupações, aplacadas”, dizem os políticos, em nota conjunta.

Ao site americano The Hill, o porta-voz da FCC afirmou que não haverá adiamento e que o leilão é importante para garantir a liderança dos EUA na 5G. Ao todo, 38 empresas se inscreveram para participar do certame, entre as quais, Verizon, AT&T, T-Mobile e Sprint.

Anterior Facebook apresenta instabilidade mundial
Próximos MPDFT fará audiência pública sobre uso de reconhecimento facial