Dell vai investir US$ 1 bilhão em IoT


Empresa vai pesquisar novos produtos ou aplicar em startups que trabalham no segmento. Estratégia é desenvolver ecossistema de computação de “borda” da rede, conhecida em inglês como edge computing.

TeleSintese-IoT-internet-das-coisas-casa-camera-tv-radio-eltronicos-eletrodomesticos-relogio-celular-radio-Fotolia_141337883

A fabricante de computadores Dell decidiu mergulhar de cabeça na internet das coisas. Anunciou que vai investir US$ 1 bilhão em pesquisa e desenvolvimento do ecossistema de IoT, até 2020. Para isso, criou a Divisão de Soluções para IoT, que passou a funcionar hoje, 10, comandada por Ray O’Farrell, CTO da VMWare, empresa do grupo Dell.

“A Dell Technologies está liderando o caminho para nossos clientes com a distribuição de uma nova arquitetura de computação que reúne IoT e inteligência artificial em um ecossistema interdependente, que vai da borda ao núcleo, passando pela nuvem”, afirma Michael Dell, fundados da companhia.

Segundo comunicado, a Dele pretende investir em um modelo de processamento distribuído de informações, em tempo real, que não dependa de respostas de alta latência de sistemas centralizados em uma nuvem única.

Vai desenvolver o Project Nautilus, um software de ingestão e consulta de fluxos de dados de gateways IoT; a plataforma Fire, de gerenciamento de computação local, armazenamento e aplicações; o programa Iris, de análise de segurança; e o sistema Worldwide Herd, de análise de dados geograficamente dispersos.

Como parceiros, terá a Intel e a NVidia, que vão contribuir com o desenvolvimento de processadores voltados a inteligência artificial, aprendizado de máquina (machine learning) e aprendizagem profunda (deep learning). Além de P&D próprios, a Dell pretende investir o dinheiro na aquisição e financiamento de startups do segmento. (Com assessora de imprensa)

Anterior Uber leva ao Senado 815 mil assinaturas contra o PLC que regula apps de transporte
Próximos São Paulo: substitutivo do PL das antenas prevê licenciamento em 60 dias