O déficit da balança comercial de produtos do setor eletroeletrônico atingiu US$ 11,4 bilhões no acumulado de janeiro-abril de 2013, consequência de importações de US$ 13,66 bilhões e exportações de US$ 2,27 bilhões. Segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), este déficit é 7,1% superior ao registrado no mesmo período do ano passado (US$ 10,63 bilhões).

Os componentes elétricos e eletrônicos continuam sendo os principais responsáveis pelo elevado déficit do setor, cujas importações atingiram US$ 7,6 bilhões, 56% do total do setor, com destaque para os componentes para telecomunicações (US$ 1,9 bilhão), semicondutores (US$ 1,7 bilhão) e componentes para informática (US$ 1,0 bilhão).

Para o ano de 2013, a previsão da Abinee é de que o déficit da balança comercial do setor atinja US$ 35,5 bilhões, 9% acima do realizado em 2012 (US$ 32,5 bilhões). (Da redação, com assessoria de imprensa)