Decisão da Justiça Holandesa sobre falência de empresas da Oi é adiada


A Oi comunicou ao mercado nesta quinta-feira, 26, que a Corte Distrital de Amsterdã, na Holanda, adiou para 2 de fevereiro a decisão que tomaria hoje sobre pedido de falência das subsidiárias locais da operadora. O pedido abrange a Oi Brasil Holdings e a Portugal Telecom International Finance, braços financeiros do grupo, responsável pela emissão de títulos de dívida na Europa.

No começo de dezembro, o administrador judicial holandês dessas duas subsidiárias decidiu pedir a falência. Como as empresas estão sob recuperação judicial, com vigência de pedido de suspensão de pagamentos, é necessária uma conversão do processo para o falimentar.

Anterior Anatel define novos nomes que farão parte do Conselho de Atacado
Próximos Amazônia Conectada lança mais 600km de cabo subfluvial