Data Center da Ascenty em Campinas torna-se ponto de interconexão


A Ascenty Data Centers acaba de se tornar um Ponto de Interconexão (PIX) do Ponto de Troca de Tráfego (PTT) de Campinas, parte do projeto PTTMetro, sob a responsabilidade do NIC.br – Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR.  “Ao se tornar um PIX do PTT.br, a Ascenty consegue atingir níveis em torno de …

A Ascenty Data Centers acaba de se tornar um Ponto de Interconexão (PIX) do Ponto de Troca de Tráfego (PTT) de Campinas, parte do projeto PTTMetro, sob a responsabilidade do NIC.br – Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR.
 

“Ao se tornar um PIX do PTT.br, a Ascenty consegue atingir níveis em torno de 30% de redução de latência no tráfego de internet de seus clientes, melhorando a qualidade da rede”, explica Tiago Garbim, diretor de Operações da Ascenty Data Centers. Em geral, os PTTs atuam em regiões metropolitanas do país e podem ter vários pontos de interconexão ligados a eles.
 

Para a conexão, a empresa precisa estar em conformidade com os requisitos estipulados pelo órgão. Entre eles, a disponibilidade de ar condicionado e de sistemas de energia redundantes e, ainda, de enlaces de fibras ópticas apagadas (exclusivas para essa finalidade) interligando seu data center aos PIX já existentes do PTT.br em Campinas. (Da redação)

Anterior Em nota, a Anatel defende a construção “transparente” do regulamento do TAC.
Próximos Telefónica conquista aval da América Móvil para compra de operadora alemã da KPN