Cresce número de prefeituras com acesso à internet por fibra


Imagem por blizzy78 (CC.by.2.0)
Imagem por blizzy78 (CC.by.2.0)

A terceira edição da pesquisa do  Nic.Br – TIC Governo Eletrônico – divulgada hoje, 2, apurou que as administrações municipais aceleram no uso da banda larga com mais velocidade, substituindo os rádios por tecnologias de cabo ou de fibra óptica. Conforme a pesquisa, se em 2015 69% das prefeituras alegavam ter acesso à internet por conexões terrestres, este percentual aumentou  para 83% em 2017.

Os pesquisadores apontam que este levantamento não tentou apurar as causas dessa rápida mudança tecnológica, mas avaliam que poderá ter sido estimulada pela oferta de conectividade dos pequenos provedores de internet ou por políticas públicas implementadas que  já demonstram os primeiros resultados.  Observaram que os municípios da região Nordeste, com 10 mil a até 100 mil habitantes, foram os que mais se apropriaram das novas redes de banda larga.

Se não houve muitas mudanças no governo eletrônico nas esferas federal ou estadual em relação há  dois anos, o NIC.br também observou alterações importantes em relação a implementação de projetos de cidades digitais.

E, embora o número seja ainda pequeno,  18% das prefeituras  afirmaram ter algum plano ou projeto de cidade inteligente. Essa proporção chega a 77% nas capitais e a 70% nos municípios com mais de 500 mil habitantes.

Tipos de Serviços

A pesquisa apurou ainda que 90% dos municípios postam algum tipo de conteúdo na rede social (75% no Facebook), mas os tipos de serviços oferecidos pela internet ainda são muito primários – ou seja, só fornecimento de informação, ou a possibilidade de o usuário baixar um documento ou um formulário.

Entre os tipos de serviços digitais que mais cresceram em dois anos  nos municípios estão a emissão de nota fiscal eletrônica, processos judiciais e emissão de documentos.

 

Anterior Banda larga fixa: 29,7 milhões de acessos em março
Próximos Apenas 44% dos serviços mais procurados no governo federal estão na internet