Credit Suisse vai gerir ações da Telecom Italia na Brasil Telecom e JP Morgan cuidará da venda


Em comunicado enviado no início da noite, à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a TIM Participações S.A informou que sua controladora indireta, a Telecom Italia, apresentou hoje, 9, à Anatel, uma petição solicitando ao órgão regulador a aprovação da transferência de sua participação de 38%, detida por meio de sua subsidiária Telecom Italia Internacional, na Solpart …

Em comunicado enviado no início da noite, à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a TIM Participações S.A informou que sua controladora indireta, a Telecom Italia, apresentou hoje, 9, à Anatel, uma petição solicitando ao órgão regulador a aprovação da transferência de sua participação de 38%, detida por meio de sua subsidiária Telecom Italia Internacional, na Solpart (holding que controla a Brasil Telecom) para uma Newco (uma nova empresa denominada Brasilco S.r.1) cuja administração foi entregue a um fundo (trust) constituído sob as leis inglesas e que terá como gestor o banco Credit Suisse. Ele administrará as ações pertencentes à Telecom Italia com o objetivo de vendê-las a terceiros, conforme já anunciado ao mercado. O comunicado confirma que o banco JP Morgan tem mandato da Telecom Italia para alienar as ações.

 A Telecom Italia transferirá não só a participação acionária na Solpart, como também os correspondentes direitos de governance na administração da Brasil Telecom. O comunicado destaca que a operação de transferência dos 38% de participação para uma Newco solucionará o problema da sobreposição de licenças móveis e de longa distância entre o grupo TIM Brasil e o grupo Brasil Telecom, em benefício de todas as partes envolvidas, incluindo a própria Brasil Telecom e seus acionistas.

"A Telecom Italia Internacional será a única beneficiária do trust e consequentemente dos proventos advindos da participação na Solpart, incluindo o preço de sua futura venda", conclui o comunicado assinado por Stefano De Angelis, diretor de relações com investidores da TIM Participações S.A.

Da Redação

Anterior Sybase compra empresa de entrega de conteúdos móveis
Próximos Confirmado: Google paga US$ 1,65 bilhão em ações pelo YouTube.