Contax agora se chama Liq


shutterstock_HABRDA_callcenter_economia

A Contax, grupo de contact center que atende Claro, Oi, TIM e Vivo, se chama agora Liq. A mudança da marca corporativa foi implementada nesta segunda-feira, 11.

As marcas Contax e Ability (adquirida em 2010) deixam de ser usadas. Na internet, só é possível achar o site liq.net.br, com redirecionamento feito a partir dos domínios antigos.

O novo nome deriva de “líquido”. Foi pensado para compreender a adoção de novos serviços digitais. Quando surgiu, a Contax era exclusivamente um call center. Aos poucos, passou a atender clientes com recursos variados, e em plataformas diferentes do telefone.

“Após uma extensa etapa de diagnóstico e análise de mercado, entendemos que a união das empresas requeria uma nova marca que refletisse a nossa essência e proposta de valor. Precisávamos incorporar uma de nossas principais características: a adaptabilidade. Daí nasceu a LIQ”, explica o CEO da LIQ, Nelson Armbrust.

Hoje, a Liq presta os tradicionais serviços de atendimento por telefone e canais digitais. Mas tem também produtos de análise de dados, monitoramento de redes sociais, marketing, vendas, treinamentos.

“O objetivo da mudança é refletir o reposicionamento estratégico da Companhia, que oferece soluções integradas de relacionamento através de diferentes canais, com abordagem all-line, on-line e off-line”, diz Cristiane Sales, diretora de finanças do grupo Contax Participações, em comunicado.

Na Bovespa, onde as ações da empresa são listadas, nada muda por enquanto. Razão social da holding e da subsidiária Contax-Mobitel ficam inalteradas. Também os tickers (códigos de referência no mercado financeiro) permanecem iguais (CTAX3). Mas serão alterados no futuro, ainda em data não definida.

Números da Liq 

Ainda como Contax, a LIQ faturou R$ 888,3 milhões no primeiro semestre do ano, número 14,2% menor que o registrado em 2016. A empresa precisou readequar sua estrutura nos últimos dois anos, com a redução da demanda de grandes clientes pelos serviços telefônico e busca por soluções automatizadas.

O EBITDA, lucro antes de impostos, amortizações e depreciações, ficou negativo em R$ 2,2 milhões no semestre, uma melhora de 95,6% em relação a um ano antes. A empresa investiu mais este ano, Capex de R$ 11 milhões, frente os R$ 6,6 milhões no mesmo período de 2016.

Em um ano, a companhia cortou 19,5% de suas posições de trabalho. Passou de 34,25 mil workstations ativas para 27,6 mil. Nesse meio tempo, demitiu 12,7% da força de trabalho, ou 7,4 mil funcionários. A maior parte foi desligada dos contact centers, nos quais ainda tem 47 mil empregados.

Anterior Abinee: Indústria eletrônica cresce 24% em um ano
Próximos Seabras-1, cabo que liga Brasil a EUA, está operacional

21 Comments

  1. Predroo
    11 de setembro de 2017

    Quando uma empresa se queima no mercado como a Contax, Telefonica, algum gênio tem a idéia de que mudar o nome fará alguma diferença.
    Não faz.

    Uma empresa com nome no mercado, nunca muda o nome porque é parte da identidade e bao propaganda.
    Quem tem nome ruim, não adianta mudar.

  2. 11 de setembro de 2017

    Concordo plenamente com o comentário à cima.
    Essa foi de cara a minha primeira impressão, permanece assim!

  3. Jucilaura
    11 de setembro de 2017

    Também concordo com o comentário do Predroo

  4. Simas
    11 de setembro de 2017

    Os amigos acima tem uma visão bem supercial das coisas, além do mais, redesenhar uma marca vai muito além de trocar de nome. O cenário atual pede por reinvencão e a contax não é a primeira. Vocês convivem diariamente com marcars que mudaram de nome e hoje prestam um servico mais que satisfatório sem que vocês nem percebam que em algum momento já não foi tão bom. Nao existe nada “bao” no marketing, o que existe são críticas gratuitas e sem embasamento.

  5. Reginaldo
    11 de setembro de 2017

    recebem acerto ou fica igual na carteira contax??

  6. Ericka
    11 de setembro de 2017

    Mais e com relação as vagas?
    Aumentaram?

  7. Luciene
    12 de setembro de 2017

    Concordo tbem,ficou tão queimada no mercado até mesmo pelos funcionários que já trabalharam lá e agora quer tapar esse rombo com a troca da razão social,vai ser sempre a merda que é,tem que mudar é os gerentes,cordenadores supervisores.

  8. Anônimo
    12 de setembro de 2017

    Eu só queria saber se essa diferença no nome vai mudar algo bom pra vida dos funcionários… Tipo, o nosso bolso – pra melhor, por favor!
    😉

  9. Anderson Corrêa Herzig
    12 de setembro de 2017

    Mas uma coisa é certa cabe aos gestores empenha para que se possa ter atendimento com qualidade isso parte de cada um dos funcionários quando se tem personalidade, caráter, esforço e etc tem TD para que uma empresa possa crescer no mercado eu sou operador de telemarketing então as mudanças começa a partir dos colaboradores.

  10. 12 de setembro de 2017

    Para os que querem saber se vai alterar em algo relacionado ao financeiro dos colaboradores, a resposta é NÃO, se não me engano eles nem irão mudar a razão social. Os benefícios para nós empregados mantém-se o mesmo.

  11. Patrícia
    12 de setembro de 2017

    Não muda em nada , a gestão continuará a mesma porcaria de sempre …

  12. Joseane
    12 de setembro de 2017

    Concordo tem que mudar esses gerentes coordenadores que não fazem merda nenhuma á não ser assediar os funcionários todos os dias desmoralizam isso e uma vergonha

  13. K. Braz
    13 de setembro de 2017

    Estou na empresa Contax a exatos 11 anos, vejo essa reposição de marca algo louvável. Nossa vida vive em constante mudança é evolução e no mundo dos negócios não é diferente, a mudança sempre gera um desconforto para alguns, alegrias para outros, expectativas , ou desesperanças.
    Ao meu ver deve sim vim mudanças gradativamente na nova reposição, onde ela deve focar nesses novo desafio, buscando melhorias nos relacionamentos com seus clientes internos em primeiro lugar e seus clientes externos, visando sempre uma prospecção de novos negócios.

  14. 14 de setembro de 2017

    Gostaria de quem ja trabalhou na contax pode voltar tipo pq ela trocou de nome né.

  15. 18 de setembro de 2017

    TRABALHEI NA CONTAX POR 4 ANOS , GOSTEI MUITO DA EMPRESA , TODA CERTINHA PAGAMENTOS NA DATA CERTA , NÃO TENHO NADA A RECLAMAR , GOSTARIA MUITO DE VOLTAR, PEDI DEMISSÃO POR MOTIVOS PARTICULAR , AMAVA MINHA EQUIPE ERAMOS UMA FAMÍLIA.

    • Ericka
      18 de setembro de 2017

      Mais será q irá contratar ex-fucioraio ?

  16. Celso Ricardo Ribeiro Scott Teixeira
    26 de setembro de 2017

    A empresa CONTAX é uma ótima empresa, trabalhei por
    sete anos e 10 meses, nada a reclamar. Sempre fui apoiado pela empresa e concluí minha faculdade de
    Processos Gerenciais- Gestão em Call Center, fui dispensado e gostaria de retornar para a empresa.

  17. Felipe Rodolfo
    26 de setembro de 2017

    Trabalho naquele inferno que todos chamam de empresa. Assédio moral, buso de poder entre tantas outras mazelas que dariam folhas e folhas. Uma empresa que não valoriza seus funcionários não pode ser uma boa empresa. Pagamento em dia? É mais que uma obrigação dá companhia. A Contax mudou de nome por que com certeza está mais suja do que pau de galinheiro no MTE é DRT entre tantas outras ações judiciais de ex funcionários que saíram doentes . A pessoa entra bom e sai doente dá Contax . Cada um tem uma ideia, a pessoa querer voltar a trabalhar ali realmente são pessoas sem nenhuma perspectiva na vida ou se acomodaram.

  18. jehnyffer
    29 de setembro de 2017

    Trabalhava na contax e hoje trabalho na liq, nao tenho nada o q reclamar gosto do meu trabalho.e odeio esse povo que trabalha la e fica falando mal,esses funcionários “gato”

  19. 16 de outubro de 2017

    Gostaria de saber se como fui funcionaria em 2004, se agora poderia voltar para a nova empresa Liq.

  20. Maura Conceição
    16 de outubro de 2017

    Pode voltar sim. Eu mesma sou ex funcionária e tenho processo seletivo marcado pra amanhã no Site Alegria.
    Rua Alegria 96 Brás SP.