Condições de pagamento da faixa de 700 MHz podem ser mudadas para aumentar arrecadação


Paulo Bernardo disse que a possibilidade está sendo considerada, mas decisão não será conhecida antes de junho. Uma das hipóteses é prolongar no tempo o pagamento das parcelas. O edital entra em consulta pública em abril, mas será publicado sem preço mínimo.

marteloAlém do preço maior do que estimado  inicialmente – a previsão no Orçamento da União era de uma arrecadação de R$ 6 bilhões – o edital do leilão da faixa de 700 MHz pode trazer mudanças nas condições de pagamento para atender a necessidade do governo de cumprir a meta fiscal.

“É uma possibilidade que está sendo estudada, e parte da convicção de que vai haver liquidez e financiamento”, disse o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, nesta quarta-feira (12).

Até agora, as condições de pagamento das frequências vendidas pela Anatel eram de 10% de entrada e o restante em até seis parcelas anuais, com correção. O presidente da Anatel, João Rezende, não confirmou que outras formas de pagamento estão sendo analisadas. “Nós trabalhamos apenas com parâmetros técnicos”, desconversou.

Sobre o preço, Bernardo disse que os valores somente serão conhecidos após aprovação pelo Tribunal de Contas da União (TCU). A publicação do edital está prevista para junho. Mas o próprio ministro cogitou valores acima de R$ 12 bilhões.

Bernardo e Rezende confirmaram que o edital da licitação será conhecido em abril, quando entra em consulta pública. Mas o texto, além de não trazer o preço mínimo, também não adiantará quais as condições de pagamento da frequência.

O ministro e o presidente da Anatel participaram da assinatura de portarias com os critérios de migração das rádios Mas para FMs e da instituição do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que permitirá a tramitação online dos processos de radiodifusão.

Anterior Anatel vai contratar nova empresa de call center, pois seu atendimento telefônico está com problema.
Próximos Huawei assina primeiro contrato comercial para small cell LTE indoor