Com receita em queda, Nextel Brasil registra prejuízo


A Nextel Brasil fechou 2014 com um prejuízo operacional de US$ 133,7 milhões. Em 2013, a empresa havia registrado lucro de US$ 311 milhões. A receita operacional do ano caiu 16%, para US$ 1,8 bilhão. Na comparação trimestral, a operadora teve prejuízo de US$ 49,3 milhões entre outubro e dezembro, ante lucro de US$ 3,6 milhões no mesmo período um ano antes. A receita dos três meses foi de US$ 432 milhões, redução de 14%.

Apesar dos resultados financeiros, a empresa ganhou 383 mil usuários ao longo do ano, atingindo a marca de 4,34 milhões de clientes. Enquanto a tecnologia iDEN, ainda principal segmento, perdeu 951 mil usuários, o WCDMA (3G) ganhou 1,33 milhão. Destes, 414 mil migraram do iDEN para o 3G. O churn no ano foi de 2,55%, e a receita por usuário (ARPU) ficou em US$ 30.

NII Holdings
A Nextel Brasil representou 49% do faturamento da NII Holdings, que reúne também Nextel Argentina e México. O grupo teve receita operacional de US$ 3,68 bilhões e prejuízo operacional de US$ 520 milhões em 2014. O prejuízo líquido foi de US$ 1,96 bilhão. O total de assinantes no mundo caiu 61 mil, para 9,18 milhões. O churn aumentou para 3,4% (foi de 3,11% em 2013), e a ARPU caiu para US$ 28, ante US$ 35 em 2013.

No quarto trimestre, a receita foi de US$ 854 mil, uma redução de 20% sobre os mesmos meses de 2013. O prejuízo operacional ficou em US$ 335 milhões. Uma ano antes, havia sido de US$ 155 milhões. O prejuízo líquido, porém, foi menor na comparação anual, ficando em US$ 514 milhões – foi de US$ 745 milhões no quarto trimestre de 2013. O resultado já contabiliza a venda das operações no Chile e Peru.

Anterior Anatel autoriza On Telecom resgatar R$ 40 mi em garantia
Próximos TAC: Oi quer antecipar entrega de documentos à Anatel