Com forte redução de lucro, Nokia prevê queda de 10% nas vendas de celulares.


A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, anunciou nesta quinta-feira seu resultado, com uma queda de 69% no lucro líquido do quarto trimestre de 2008, que fechou em 576 milhões de euros (US$ 747,4 milhões), contra 1,835 bilhão de euros no mesmo período de 2007. O resultado foi abaixo do esperado e a fabricante …

A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, anunciou nesta quinta-feira seu resultado, com uma queda de 69% no lucro líquido do quarto trimestre de 2008, que fechou em 576 milhões de euros (US$ 747,4 milhões), contra 1,835 bilhão de euros no mesmo período de 2007. O resultado foi abaixo do esperado e a fabricante informou que as vendas de telefones celulares deverão cair 10% em 2009, com um declínio mais acentuado no primeiro semestre. Anteriormente, a companhia previa queda de 5% nas vendas este ano.

No último trimestre de 2008, as vendas da Nokia somaram 12,662 bilhões de euros, uma queda de 19,4% em relação ao mesmo período de 2007, que fechou em 15,717 bilhões de euros. O preço médio de venda de seus aparelhos caiu de 72 euros para 71 euros no quarto tri em relação ao terceiro trimestre 08.

As vendas no ano fecharam em 50,71 bilhões de euros, 0,7% a menos que no ano anterior. O lucro operacional no ano foi de 4,966 bilhões de euros, 37,8% a menos que em 2007, quando fechou em 7,985 bilhões de euros. No quarto trimestre de 2008, a queda foi bem maior, 80,3%, com um lucro operacional de 492 milhões de euros, contra 2,492 bilhões de euros em igual período de 2007. (Da redação)

Anterior Intel fecha fábricas e corta funcionários
Próximos Brasil é o oitavo maior mercado da Nokia