Com entrada da PT, Oi terá R$ 7 bilhões a mais no caixa.


Com a entrada da Portugal Telecom na Oi, a operadora nacional espera ter, em 2011, uma entrada de R$ 7 bilhões a mais no caixa, estimou hoje o diretor de Finanças e Relações com Investidores, Alex Zornig. Segundo ele, a expectativa é que esse aumento de capital aconteça até 31 de março de 2011, cumprindo-se os prazos previstos. Os controladores têm até 31 de janeiro para assinar o acordo com a Portugal Telecom. “Se assinam o acordo até a data limite, o aumento de capital vai ocorrer”, afirmou, evitando outros comentários a respeito. “Não adianta especular antes de sair o negócio”, justificou.

O presidente da Oi, Luiz Eduardo Falco, disse que o plano de investimento da Oi está traçado e independe dessa capitalização. Sobre a imposição da Anatel (a agência condicionou a anuência prévia para a PT entrar na Oi ao pagamento de multas), Falco disse que a questão não preocupa e não é um empecilho para a conclusão do negócio. “Pela Lei das Administrações temos 75 dias para decidir se as multas serão pagas ou judicializadas”, comentou Falco, lembrando que há, agora, um entendimento da AGU, que recomenda ao governo condicionar anuências ao pagamento de multas. “Na pratica, o fluxo de 75 dias se reduz para zero e decidimos: se a multa é correta, pagamos; se está errado, recorremos”, afirmou. Segundo Zornig, o valor atual das multas impostas pela Anatel a Oi é de R$ 124 milhões, mas “isso muda todo dia”. (Da redação)

Anterior Anatel adia decisão de temas importantes
Próximos Regras para operador móvel virtual ficam para próxima quinta-feira