Claro, Oi, Telefônica e TIM têm 90 dias para organizar fios em postes da AES Eletropaulo


postes fio fibra cabo telecomunicacoes provedores

A Comissão de Resolução de Conflitos das agências reguladoras Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) determinou na tarde de hoje, 6, que Claro, Oi, Telefônica e TIM regularizem suas redes instaladas em 2.129 postes da distribuidora de energia AES Eletropaulo.

As empresas terão 90 dias para organizar a ocupação dos postes. Passado o prazo, a AES Eletropaulo poderá retirar cabos e equipamentos das prestadoras, conforme a Resolução Normativa ANEEL nº 797/2017.

A decisão ocorre em processos relatados pela Aneel e apresentados ainda em 2016 pela AES Eletropaulo, que requereu a atuação das Agências para resolver impasse entre as prestadoras de telecomunicações para a execução de ações de regularização.

A Comissão é um órgão permanente, composto por dois representantes de cada Agência – Anatel, Aneel e ANP (Agência Nacional do Petróleo) – indicados para resolver conjuntamente os conflitos entre agentes dos setores de energia elétrica, telecomunicações e petróleo. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Eutelsat troca Viasat por Orange e Thales para construção de supersatélite
Próximos Embratel lança serviço de gerenciamento do consumo de energia

7 Comments

  1. Schirley Pinheiro da Silva
    7 de Abril de 2018

    A Oi, não está dizendo que está falida?!

  2. 7 de Abril de 2018

    Demorou.
    A AES muda postes e os fios. net/vivo ficam pendurados…..sem dizer que a AES detona os demais serviços qdo fazem essas trocas.
    Tá na hora de trabalharem em parceria.
    Em casa,qdo podaram árvore ,podaram o meu cabo net e simplesmente ficaram “na deles”….
    .

  3. Clair Goettems
    7 de Abril de 2018

    ANATEL precisa tomar posição frente ao péssimo atendimento das operadoras.Fazem quatro meses que ponho recarga no meu celular e não tenho conexão para ligações.Já solicitei ajuda de diversas formas ,mas… Nada de soluções….Antes disso nunca tive problemas , no caso em questão, a operadora TIM.POR FAVOR ME AJUDEM!!!!! QUERO DE VOLTA A TIM COMO MINHA OPERADORA. Pois meu número está divulgado para todos relacionamentos.

  4. ROBERTO Santos
    7 de Abril de 2018

    Excelente matéria. Aqui onde moro RJ capital tem um poste com dezenas de cabos em uso e fora de uso com equipamentos, fiação elétrica etc. Não sabemos como frear o aumento de fios e cabos em poste em frente a minha casa.

  5. 7 de Abril de 2018

    Essa decisão deve ser URGENTEMENTE estendida para todas as concessionárias distribuidoras de energia elétrica do Brasil. Sou engenheiro eletricista, perito em redes de distribuição de energia elétrica da antiga CSPE Comissão de Serviços Públicos de Energia de São Paulo, assistente técnico da Defensoria pública de São Paulo, pelo CREA SP e posso garantir que existem milhares e milhares de postes, com ocupação de redes de telecomunicações irregulares, na maioria das cidades brasileiras. Esses 2.129 postes são uma enésima parte das ocupações irregulares. Muitas pessoas morreram e continuarão morrendo por conta da irresponsabilidade das concessionárias de energia elétrica e de telecomunicações que aprovam essas ocupações totalmente fora das normas. ( VIDE ACIDENTES COM FIOS E CABOS DE TELEFONIA NA INTERNET ). Os instaladores de cabos e fios de telecomunicações ( internet, TV e telefone) não respeitam, ou melhor, são obrigados a não respeitar a NR10, do ministério do trabalho, pois trabalham individualmente dentro do
    Sistema elétrico de potência, quando deveriam trabalhar, no mínimo em duas pessoas e sem os equipamentos de segurança adequados.
    A Aneel e Anatel conhecem muito bem essas irregularidades, mas o que conta é o poder econômico, mesmo que seja as custas de muitas vidas HUMANAS.

  6. 7 de Abril de 2018

    Aí na foto tá um luxo tem ver aqui na frente de casa tá na altura de uma pessoa

  7. 10 de Abril de 2018

    CLARO ? NÃO É NET BRASIL