Claro estima aumento de 100% de tráfego de voz e dados durante a Copa


A Claro investiu mais de R$ 300 milhões  no último ano, apenas nas 12 cidades-sede da Copa do Mundo, para oferecer aos brasileiros e turistas estrangeiros a melhor experiência em internet móvel do Brasil.  E estima um aumento no tráfego de voz e dados de mais de 100% durante os dias de jogos, nas áreas com maior concentração de pessoas, como estádios e pontos de encontro de torcidas.

“O principal desafio da Claro foi garantir a infraestrutura necessária para atender com qualidade essa demanda que é que é excessiva, porém pontual”, avalia o diretor de Rede de Acesso da Claro, Celso Birraque. Segundo ele, além do aumento no volume do tráfego, durante as partidas também é registrada uma mudança no perfil de uso. “Em geral, o tráfego principal da rede de dados é para downloads. No entanto, durante os jogos nos estádios, esse tráfego passa a ser primordialmente de uploads, com os usuários compartilhando fotos e vídeos em suas redes sociais.”

Nos estádios,  foi implementada a de rede de fibra óptica para conexão entre as antenas e as centrais de voz, dados e saídas de internet, sempre com duas vias de acesso para garantir continuidade dos serviços. Em seis arenas brasileiras, a Claro também vai oferecer sua rede Wi-Fi, que poderá ser utilizada automaticamente pelos clientes e vai reforçar a capacidade de transmissão de dados. No entorno dos estádios, além das estações fixas já existentes, também foram dedicadas 46 estações móveis (COWs) nas tecnologias 2G, 3GMax e 4GMax para reforçar a rede na chegada e saída dos torcedores e para as Fan Fests promovidas pela Fifa.

A rede Wi-Fi, gratuita para todos os clientes da operadora, também vai contribuir para suprir a demanda por tráfego de dados. Para a Copa, foram disponibilizados 500 novos hotspots Wi-Fi e, atualmente, nas 12 cidades, a operadora já disponibiliza mais de 6 mil pontos. A Claro também ampliou sua rede de fibra óptica nessas cidades e, atualmente, no Brasil, já são mais de 120 mil km de fibra instalada.

Durante todo o mundial, equipes especializadas e com experiência em eventos de grande porte farão o monitoramento e estarão preparadas para realizar a prevenção de instabilidades e garantir respostas rápidas no caso de congestionamentos e falhas. ( Com assessoria de imprensa)

Anterior Produção eletroeletrônica cai 4,4% nos primeiros quatro meses do ano
Próximos Operadora de celular francesa vai cortar 1,5 mil empregos