Cisco inaugura centro de inovação e traz venture capital


Ao inaugurar hoje o seu Centro de Inovação no Rio de Janeiro, (COI), cuja intenção de instalação foi antecipada no início do ano, com R$ 1 bilhão de investimentos em diferentes atividades, a Cisco traz capital de risco para firmar parcerias com empresas nacionais.”A ideia é estimular parcerias locais e a criação de produtos aqui no Brasil”, resumiu o presidente mundial de desenvolvimento e vendas da empresa norte-americana, Rob Lloy.

 

Conforme o presidente da Cisco do Brasil, Rodrigo Dienstmann, do valor total de R$ 1 bilhão (USS$ 500 milhões) anunciados, R$ 50 milhões serão destinados para investimentos de risco (venture capital), que já foram depositados em dois fundos de apoio às  pequenas empresas brasileiras. Os demais recursos foram destinados para a fabricação local de equipamentos (a fábrica está em Sorocaba, São Paulo).

Dienstmann afirmou que o centro vai priorizar os projetos de desenvolvimento nas áreas de educação, saúde,seguranca pública e cidades inteligentes, esportes e entretenimento, energia- smart gride-, e indústria de gás e petróleo.

 

Segundo Lloyd, a empresa, que gerou receitas de US$ 15 bi em seu último ano fiscal, encerrado em março, continua a colocar o seu esforço de desenvolvimento para a “internet de todas as coisas”. Afirmou que este é primeiro centro da Cisco nesses moldes no mundo. A expectativa é já ter produtos lançados no mercado brasileiro, fruto deste centro, dentro de um ano.

Anterior TV paga precisa repensar entrega de publicidade, diz Sky
Próximos "Nossos equipamentos não têm backdoor", afirma Cisco