China critica EUA e acena com escalada da guerra comercial


O governo chinês criticou a decisão do governo dos Estados Unidos de banir a Huawei e disse que tal intervenção no comércio pode piorar as já abaladas relações econômicas entre os países.

A declaração partiu de Gao Feng, porta-voz do Ministério do Coméricio da China. “Exigimos que os EUA suspenda essas ações nocivas e crie condições para uma relação comercial normal e cooperativa entre empresas de ambos os países a fim de se evitar abalos futuros nos laços econômicos bilaterais”, afirmou.

Ele reclamou, ainda, do que chamou de “generalização do conceito de segurança nacional”, usado pelos EUA para banir a Huawei. E disse que os americanos deveriam se manter racionais e corrigir sua “perigosas ações”. Ele disse que o governo Trump está praticando “bullying” contra a China.

Afirmou, ainda, que a China seguirá com reformas na economia para manter um ambiente “justo, estável e previsível para empresas”.

Anterior Após ajuste no contrato, TCU libera parceria entre Telebras e Viasat
Próximos Mediatek mira mercado de processamento de inteligência artificial na borda de redes IoT