CGI.br lança novo estudo sobre banda larga no Brasil


banda larga06Enquanto na região Norte do país o custo médio gasto com a conexão à Internet representa 1/35 da renda média domiciliar das famílias (ou 2,82% da renda domiciliar mensal), no Sudeste é de 1/55 (ou 1,81%). Entre classes socioeconômicas, essa diferença é ainda mais marcante: na classe A, a média de gastos com a conexão representa 0,83% da renda domiciliar mensal. Já nas classes B (1,72% da renda domiciliar mensal), C (2,94%) e, especialmente, nas classes DE (3,9%), os gastos com conexão crescem consideravelmente. Lendo de outro modo, o peso do custo da Internet na renda nos domicílios de classes DE é quatro vezes maior que o verificado nos de classe A.

Os dados acima fazem parte do livro “Banda Larga no Brasil: um estudo sobre a evolução do acesso e da qualidade das conexões à Internet, lançado nesta quinta-feira (28) pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), por meio do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) e do Centro de Estudos e Pesquisas em Tecnologia de Redes e Operações (Ceptro.br), ambos do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br). Esse é o primeiro trabalho do CGI.br feito por meio de Big Data, a partir das informações geradas pelos usuários que fizeram medições por meio do Sistema de Medição de Tráfego Internet (Simet) e de diversas pesquisas realizadas pelo Cetic.br em um período de quatro anos (2013 a 2016), fornecendo insumos sobre a situação da qualidade da banda larga no país.

No que se refere à velocidade aferida, o estudo revelou uma redução nas disparidades observadas entre as regiões, especialmente com o crescimento dos números aferidos no Norte e Nordeste, que tiveram o pior desempenho em 2013. Entre 2014 e 2016, as diferenças entre as regiões caíram – no Nordeste, por exemplo, a diferença, que era de -44%, em 2014, passou para -3%, em 2016. O estudo também aponta estabilidade nos resultados observados na região Sudeste.

O estudo está disponível na íntegra no endereço: http://cetic.br/publicacao/banda-larga-no-brasil-um-estudo-sobre-a-evolucao-do-acesso-e-da-qualidade-das-conexoes-a-internet/

Acesse também todas as pesquisas do Cetic.br: http://cetic.br/pesquisas/. Faça o teste do desempenho da sua conexão e informe-se sobre as soluções do Simet: http://simet.nic.br/.

 

Anterior Anatel nega recurso do Société Mondiale e mantém conselheiros da Oi
Próximos Disney tem aval do governo dos EUA para comprar a Fox